:: O porque do nome do Blog ::






Celso Blues Boy (Sempre Brilhará)













Um amor para recordar...

O amor é paciente e benigno e não arde em ciúmes.
O amor não é rude nem egoísta, não se exaspera e não se ressente do mal.
O amor não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade
Está sempre pronto para perdoar, crer, esperar e suportar o que vier.








"ed_motta_-_no_meu_coração voce vaisempre estar"

Clique no stop se quiser parar a música.












PERMITA-ME...

(Sussuluz)

Permita-me segurar-lhe as mãos e caminharmos juntos em sua estrada de flores... Permita-me ser sua flor, que desabrochará para a vida e para o amor.

Permita-me fazer parte de seus pensamentos, de seus sonhos, num remanso ao sabor dos ventos, espalhando minhas palavras, levando-lhe paz e muita ternura em todos os seus momentos;

Permita-me ser uma rosa, e com minhas pétalas navegar com ondas de carinho em sua caminhada... Permita-me abraçá-lo com as asas da brisa da aurora, espargindo o orvalho da sensual madrugada.

Permita-me ser a luz que aquece e ilumina seu ser; Permita-me ser seu sol, sua luz, seu alvorecer;

Permita-me ser seu presente, não para fazê-lo esquecer do passado, mas para colorir, perfumar e construir com amor seu futuro, quando você estiver cansado.

Permita-me fazer-lhe companhia, ser uma linda melodia e lhe encantar em seu horizonte solitário, trazendo-lhe alegria.

Permita-me entrar em seu coração...

Prometo-lhe ser suave como uma flor, delicada como um beija-flor... Permita-me apenas, ser seu amor.

COMO PERMITIR?

===Edmen===

Como permitir o que consentido está? Mas se me disseres que teu amor é sincero, assim tanto quanto o amor que tenho por ti, que tanto prezo e venero...

Se me quiseres tanto quanto eu te quero, tanto quanto no coração te espero... Então querida minha, te permito muito mais!

Te permito escrever nossa história de amor, em pergaminho eterno, em palavras perfumadas, essência extraída da mais aromática flor;

Te permito ser a rosa mais formosa, desabrochada assim em meu coração, tão bela, linda e airosa.

Te permito ser para mim a mais linda melodia, a musa inspiração, a poesia extraída deste coração.

Te permito em meu coração a morada, e eu te farei a flor mulher mais amada... Meu pedestal de glórias, meu tesouro, minha relíquia... Minha mais bem guardada jóia.

Te permitirei ser meu caminho, minha estrada... A melodia, a poesia ainda não escrita, ainda não encontrada;

Te permitirei ser meu guia, minha luz meu sol... E quando eu estiver perdido sem rumo, ser minha esperança, minha luz, meu farol.









:: Meu Award ::










:: Oferecemos ::













:: Videos ::




Para assistir deixe a seta do mouse em cima do vídeo sem clicar





Bon Jovi - Misunderstood - legendado BR



Van Halen - Can´t Stop Lovin' You (LEGENDADO)



Scorpions – You and I – Eu e Voce - (LEGENDADO)



Aerosmith Angel legendada em pt br.(LEGENDADO)



dire straits sultan of swing!!



Iron Maiden - The Number Of The Beast – 2001



Van Halen - When it´s love (Tradução)



Amor de Verdade - Paulo Ricardo

















:: Nossos Premios ::

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil
















:: Awards Recebidos ::

































Photobucket




















:: Presentes Recebidos ::























::Já Passou::
01/06/2010 a 30/06/2010
01/05/2010 a 31/05/2010
01/03/2010 a 31/03/2010
01/02/2010 a 28/02/2010
01/01/2010 a 31/01/2010


::Votação::

Dê uma nota para meu blog























Layout by Sandra Vls






e-mail:
semprebrilhara2@bol.com.br











Escrito por semprebrilhara2 às 02h22
[] [envie esta mensagem]






Escrito por semprebrilhara2 às 10h33
[] [envie esta mensagem]




Quando me Amei de Verdade

(Kim McMillen)

Quando me amei de verdade, pude compreender

que em qualquer circunstância,

eu estava no lugar certo, na hora certa.

Então pude relaxar.

Quando me amei de verdade,

pude perceber que o sofrimento emocional

é um sinal de que estou indo contra a minha verdade.

Quando me amei de verdade,

parei de desejar que a minha vida fosse diferente

e comecei a ver que tudo o que acontece

contribui para o meu crescimento.

Quando me amei de verdade,

comecei a perceber como é ofensivo

tentar forçar alguma coisa ou alguém

que ainda não está preparado

-inclusive eu mesma.

Quando me amei de verdade,

comecei a me livrar de tudo que não fosse saudável.

Isso quer dizer:

pessoas, tarefas, crenças e

qualquer coisa que me pusesse pra baixo.

Minha razão chamou isso de egoísmo.

Mas hoje eu sei que é amor-próprio.

Quando me amei de verdade,

deixei de temer meu tempo livre e desisti

de fazer planos.

Hoje faço o que acho certo e no meu próprio ritmo.

Como isso é bom!

Quando me amei de verdade,

desisti de querer ter sempre razão,

e com isso errei muito menos vezes.

Quando me amei de verdade,

desisti de ficar revivendo o passado

e de me preocupar com o futuro.

Isso me mantém no presente,

que é onde a vida acontece.

Quando me amei de verdade,

percebi que a minha mente pode me atormentar

e me decepcionar.

Mas quando eu a coloco a serviço do meu coração,

ela se torna uma grande e valiosa aliada.



Escrito por semprebrilhara2 às 23h55
[] [envie esta mensagem]






Escrito por semprebrilhara2 às 19h45
[] [envie esta mensagem]